Área do cabeçalho
gov.br

Este sítio foi reprojetado para melhor atendê-lo. Acesse já pelo celular e veja mais essa novidade

Portal da UFC Acesso a informação da UFC Ouvidoria Conteúdo disponível em: Português

Universidade Federal do Ceará
Bacharelado em Biotecnologia

Área do conteúdo

Avaliação e Aprendizado

As avaliações do ensino/aprendizagem são desenvolvidas no Curso de Biotecnologia respeitando as diretrizes e normas gerais estabelecidas no Regimento Geral da UFC (Art. 116, parágrafo 2º.), feitas para cada disciplina, sob responsabilidade do professor. A avaliação do rendimento escolar é realizada para acompanhar pedagogicamente o aluno, como um todo, no decorrer do processo de aprendizagem, obedecendo o ritmo individual e coletivo, além da especificidade de cada um, tomando-se por base dois fatores: assiduidade e eficiência, ambos eliminatórios por si mesmos.

Na verificação da assiduidade, são aprovados os alunos que frequentaram 75% (setenta e cinco por cento) ou mais da carga horária da disciplina, vedado o abono de faltas. Na verificação da eficiência, é aprovado por média o aluno que, em cada disciplina, apresentar média aritmética das notas resultantes das avaliações progressivas, igual ou superior a 07 (sete). O aluno que apresenta média igual ou superior a 04 (quatro) e inferior a 07 (sete), é dado o direito da avaliação final. Os alunos que se enquadraram na situação descrita anteriormente são aprovados com nota igual ou superior a 04 (quatro) na avaliação final e uma média final igual ou superior a 05 (cinco).

A avaliação das disciplinas compreende não apenas o sistema tradicional aferido por provas escritas, mas, também, valorizará a participação plena dos alunos, contextualizada em diferentes atividades, como apresentação de trabalhos e resoluções de problemas levantados pelos mesmos, que serão acompanhadas pelos professores das disciplinas específicas.

A avaliação é sempre feita de forma continuada e não apenas ao final do semestre letivo, funcionando como diagnóstico de forma a possibilitar correções/alterações e a recuperação da aprendizagem pelos alunos, no decorrer do semestre letivo, além de fornecer subsídios para o professor modificar suas metodologias, a partir das respostas dadas pelos alunos no decorrer do processo. Cabe à Coordenação do Curso manter contato, durante o semestre letivo, com os professores responsáveis por aquelas disciplinas e com os alunos que apresentem baixo rendimento acadêmico, na tentativa de identificar as razões do baixo desempenho e implementar novas ações pedagógicas que visem otimizar o processo de ensino/aprendizagem, bem como a acessibilidade metodológica. Tal ação envolve a participação de Monitores devidamente credenciados nos Programas de Iniciação à Docência (PID), voluntários ou remunerados, e dos alunos dos Programas de Pós-Graduação, visando, nesse último caso, uma articulação maior entre a graduação e os Programas de Pós-Graduação da UFC.

Os aspectos relacionados à acessibilidade, no decorrer de práticas avaliativas, são levados em consideração com base no que estabelece a Portaria No. 3.284/2003, de 7 de novembro de 2003, que dispõe sobre requisitos de acessibilidade de pessoas com deficiência, para instruir os processos de autorização e de reconhecimento de cursos, e de credenciamento de instituições.

Acessar Ir para o topo